Páginas

Thanks for your visit. Comments or contact: sissym.mascarenhas@hotmail.com

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Chocolate será um luxo para poucos



EU AMOOOOO CHOCOLATES!!!!


Hummm... notícia preocupante, compartilho o que recebi recentemente:




"Chocolate poderá ser um luxo para poucos nas próximas décadas"
Alterações climáticas ameaçam terminar com produção de cacau


O Cacau necessita de um clima tropical húmido.

É apreciado pelo mundo todo, vendido em grande quantidade, escolhido como presente predileto, especialmente, no Natal, Páscoa ou dia de S. Valentim e tem poder antioxidante, na percentagem certa. Segundo um estudo do Centro Internacional de Agricultura Tropical e avançado, recentemente, pela Fundação Melinda e Bill Gates, o chocolate poderá vir a ser um luxo que poucos se poderão permitir, dentro de umas décadas.



Devido às mudanças climáticas, por volta de 2050, Gana e a Costa do Marfim – dois dos maiores produtores de cacau, a nível mundial – não terão terrenos aptos para cultivarem a planta e não é possível produzi-lo na Europa, por necessitar de um clima tropical úmido. A investigação prediz uma subida da temperatura de um grau Celsius até 2030, aumentando para 2,3 graus Celsius antes de 2050 – o que é considerado bastante para inibir o desenvolvimento de vagens de cacau, que por conseguinte podem levar a uma queda radical nos rendimentos e à óbvia subida de preços.

O estudo publicado passou em revista 19 modelos climáticos distintos e aplicou-os às características de diferentes plantas de cacau. Os resultados mostraram um aumento gradual da temperatura e prevê que quase a totalidade dos terrenos analisados não estejam aptos para o cultivo, estimando que essa decadência comece já em 2030.



Já sentimos os efeitos do aumento das temperaturas em áreas marginais e com as alterações climáticas, o problema aumentará progressivamente. Num momento em que a demanda de chocolate está a crescer, particularmente na China, acabará por levar a um significativo aumento de preço”, segundo referiu o autor do estudo, Peter Laderach.

Soluções:

Chocolate será um produto extremamente caro.

Como tem o potencial de afetar a distribuição – e por isso o preço – milhares de pequenos agricultores já manifestam a sua preocupação e pedem ajuda. Muitos destes produtores já usam árvores de grande porte para fazerem sombra e manterem as plantas de cacau frescas.

O relatório faz uma série de recomendações adicionais. Esses incluem sugestões de colheitas alternativas para ajudar a atenuar o risco de danos, bem como implementação de medidas para minimizar o risco crescente da ameaça de incêndios incontroláveis durante períodos de seca. Outras das soluções propostas são a possibilidade de transladar as plantações para zonas mais elevadas, limitado às planícies do território da África Ocidental, investimentos em sistemas irrigação melhorados e estudos científicos que se foquem em mais variedades cacau tolerantes ao calor.

Os resultados do estudo servirão para futura aplicação no Projeto de Sustentos de Cacau da Fundação de Cacau Mundial, uma parceria público-privada que visa ajudar a melhorar a produção de cacau e os rendimentos do agricultor na África Ocidental. A sociedade é consolidada pela Fundação Melinda e Bill Gates, com 15 companhias de chocolate."

2011-10-07
por: Marlene Moura



Fontes:

http://www.ciat.cgiar.org/Paginas/index.aspx


http://www.gatesfoundation.org/Pages/home.aspx